h1

Albiac Ritunn da Tribo dos Pôneis Celeste (Steingreis persona)

junho 17, 2008


p>Ao final de seu tempo de aventuras, Ianus tornou-se um homem (feiticeiro) temido pelos homens livres.
Escolheu como local de moradia, o lugar onde aprendeu sobre os seus dons a Costa do Dragão.

O povo, assim como os governates não gostavam dele (e de seu modo de agir), mas também não ousavam incomodá-lo. Ianus sempre foi conhecido, não apenas pelos seus “heróicos” feitos passados, mas também pelo estranho modo de comportar-se de modo arrogante e vingativo (bom, muitas vezes eram atos levemente malignos {MMWAHAHAH} )

Com a quebra da trama, alguns de seus objetos de poder enlouqueceram. Quando isso ocorreu ele estava em um pequena cidade… da Região….. resultado: a cidade sumiu do mapa, assim como todos que lá habitavam. Ianus desapareceu.

O único filho bastardo de Ianus, com uma princesa deformada da tribo do Pônei Celeste, povo de Uthgar.
Pretendia ir atrás de seu pai, quando recebeu notícias do ocorrido com a pequena cidade costeira e Ianus.

Após o ocorrido, as pessoas de fora da tribo de algum modo ficaram sabendo quem realmente era o pequeno Albiac Ritunn, o desprezo podia ser observado nos olhos das pessoas e algumas vezes, mesmo dentro da sua tribo.

Albiac decidiu que deveria de algum modo limpar o seu nome, sua herança indesejada. Foi aconselhar-se com sua Mãe e com o Xamã de sua tribo. Após diversos rituais, o xamã previu que para que sua busca fosse completa, Albiac deveria buscar uma antiga fonte de poder, local onde muitos perderam suas vidas tentando conquistá-la.

Albiac ainda muito jovem, aos seus quase Dezesseis anos deixou a segurança de sua tribo e foi rumo a antiga floresta de Cormanthor. Após meses de viagem, ele alcançou uma pequena cidade incrustrada no meio da Floresta de Cormanthor, uma vila élfica onde as pessoas veneram uma estranha pedra coberta por um “pano” roxo.

Ao explicar, aos elfos o que viera fazer ali, Albiac recebeu diversas advertências, e mesmo ameaças. Pois as profundezas de Cormanthor encontravam-se ainda mais selvagem do que conheciasse. Mas Algum tipo de sensação, lhe dizia que o que ele buscava estava adormecido nas profundezas intocadas da Antiga Floresta do Reinado. Em algum ponto onde os planos materiais e os plano etéreos eram apenas um.

Foi para lá que ele, instruído e advertido pelos sábios elfos (elandrin – mas é tudo a mesma coisa para ele), rumou desprovido de qualquer meio de defender-se exceto seus punhos… E após uma Semana Albiac Ritunn da Tribo dos Pôneis Celeste, emergiu com o dom da Natureza.

Anúncios

4 comentários

  1. que desenho massa
    foi vc ramon ?
    bem bandido auhauahuahaua


  2. ele pegou no site da wizard
    massa neh??
    uauahu
    curti a historia


  3. que fota doida

    gosto de personagens assim, feios sem aperentar ser os FODOES..

    uahuahhauh


  4. Gostosinho da titia…

    hahahahahahahaha



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: