Archive for setembro \23\UTC 2010

h1

Regra de Ouro

setembro 23, 2010

”Existem dois deuses no RPG, o narrador e os dados, se o narrador não gosta de você Reze pelos dados.”

Bom, os grandes RPGistas old Schools, tendem a supervalorizar a falta de regras, a fim de dar uma ênfase a representação.
Mas uma coisa nunca excluiu a outra, na verdade uma completa a outra. Na minha opinião o próprio sistema guia seu Roleplay, levando você a agir de um jeito pré determinado em on pra ganhar as maiores vantagens em off.
agora a falta de regras leva o destino do PC ao humor do mestre, aos improvisos e jogadas de dados injustas, e como consequência disso deixando os jogadores revoltados, ou desanimados.

Ok, digamos que você usou a regra de outro pro PC quebrar o pescoço do orc com um teste de Força. mais os modificadores X e Y, tudo certo todo mundo adorou!!! Mas umas 8 sessões depois eles encontram seu mago velho, poderoso e arrogante, que iria dar varias missões pros pcs e é o lider da resistência contra os Orcs. O guerreiro do grupo se enche do mago e quebra seu pescoço, jogando a mesma rolagem.
é neste exato momento que o mestre:
A) Inventa outra regra. ( rouba )
B) Inventa/ procura uma magia foda ( rouba )
C) puxa uma discussão em off. ( choraminga )

Quando o mestre ludibria o jogador seja contra ou a favor dele, ele está retirando os méritos do player em favor da sua história.

Cara se seu mago fodão morreu, continue a história.

Se o seu vilão foi ignorado, continue a história.

Se o PC morreu de maneira idiota ( tipo beber de um frasco que tinha veneno achando q era cura ) a história continua!.

O momento mais memorável que ja vi em uma mesa de RPG, foi quando um ranger matou um dragão negro com 1 só flechada. cortesia dos dados.

Rangers são CAMPERS

h1

Mestrar Wod é difícil???? Não se você planejar

setembro 22, 2010

Algumas horas, é tudo que você precisa pra uma camapnha inteira de Wod. Em D&D, você tem uma história linear que acontece em uma ambiente controlado, como uma dugeon, ou torre ou algo assim.
Mas em WOD, os personagens estão livres, mesmo, podendo mudar de cidade, de país ou de criatura sobrenatural ( virar vampiro por exemplo ). Os mestres geralmente se atem ou a colocar o personagem em uma dugeon, ou a ficar reagindo aos PCs fazerem as coisas cotidianas deles.

qual a solução?
vou apresentar a minha solução em passos simples, trabalhosos é claro, mas fica muito fácil mestrar assim.
Depois de feito você apenas se atém a deixar os jogadores livres…

Passo 1 – História dos PCs – A ISCA
ao invés de pedir várias páginas de histórias profundas e significativas, peça histórias simples, que expliquem o que ele faz e principalmente seu objetivo, pode ser um objetivo até bem simples.
Ex: Apolo teve seu pai assassinado de maneiras misteriosas, ele pretende descobrir o que aconteceu.

2 – Crie NPCS – muitos deles, use um método de criação rápida, sem ficha (estatísticas) apenas algumas informações que você vai precisar pra história.
agora as duas coisas principais
TODOS NPCS TEM QUE TER UM GANCHO DE HISTÓRIA/CAMPANHA
E devem ser muitos NPCS, deixe a criatividade rolar.
( eu sugiro uns 25 )
3 – Encaixe os NPCs no seu cenário.
Jogue eles nas várias camadas da sociedade, e nos mais váriados locais, assim é mais fácil os PCs interagirem com eles.
EX – Will é um vampiro de 50 anos, todos os anos ele se apaixona por uma jovem da mesma escola, e a vai sugando até ela morrer doente, ele chama muita atenção e protege sua amada, mesmo a matando lentamente.
Fica na Escola e nos bares de Jovens.
Cartiano, abraçado com 16 anos.

Ligue um NPC a outro. E ligue um player a um ou mais NPCs.

vioalá
Você tem uma mesa de metade improviso, metade preparação

é só baixar e organizar seus NPCzinhos

h1

Joinville Requiem

setembro 21, 2010

http://joinvillerequiem.wordpress.com/
Blog com cenário sobre Requiem ambientado em Joinville